Home » Notícias » NOTÍCIAS OUTUBRO DE 2015
 
NOTÍCIAS OUTUBRO DE 2015 Imprimir E-mail
Sex, 09 de Outubro de 2015 01:35

 

OUTUBRO - MÊS MISSIONÁRIO E DO ROSÁRIO

 

Dia 28 - ENCERRAMENTO DA FESTA DE SÃO JUDAS TADEU EM CONQUISTA


Hoje à noite, o Arcebispo Dom Luís Pepeu celebrou a Santa Eucaristia na Capela de São Judas e Nossa Senhora de Lourdes, Comunidade da Paróquia Nossa Senhora das Vitórias - Catedral Metropolitana -, no encerramento da Festa em louvor a São Judas Tadeu. Dom Luís destacou a importância da celebração da festa dos santos apóstolos Simão e Judas, lembrando que os apóstolos foram instituídos como alicerce da Igreja de Cristo e, através deles, o evangelho foi anunciado a todo o mundo. Em sua homilia, inspirada no tema da festa: “Com São Judas Tadeu, discípulo de Jesus, somos convidados a viver a nossa fé em comunidade”, Dom Luís motivou os fiéis a assumirem sua vocação como chamados por Deus, testemunhando a fé em Jesus Cristo na vida de Comunidade, a exemplo dos apóstolos. A fé é uma resposta pessoal de cada homem e de cada mulher, mas deve ser vivida na dimensão comunitária a partir da experiência do encontro com Cristo, o Ressuscitado, a pedra fundamental que alicerça a vida da Igreja. Dirigindo-se aos inúmeros fiéis e devotos de São Judas presentes na celebração, destacou a grande devoção popular a este santo apóstolo, sendo ele venerado como padroeiro das causas desesperadas. Estavam presentes também nesta noite festiva, elevando seus louvores e o canto de ação de graças ao Deus da vida por intercessão de São Judas Tadeu, os funcionários públicos neste dia dedicado a eles.

Dias 25 a 27 - ARCEBISPO VISITA SEMINÁRIO DE TEOLOGIA JOÃO PAULO II EM BH



Nestes dias, o Arcebispo Dom Luís Pepeu foi a Belo Horizonte para uma Visita Pastoral ao Seminário Maior João Paulo II, em Belo Horizonte - MG. Esta Casa de Formação, da Diocese de Jequié e Arquidiocese de Vitória da Conquista, é mantida em Belo Horizonte para acolher os Seminaristas de ambas que estão cursando a Teologia. No momento há um grupo de 4 jovens da Diocese de Jequié e 11 da Arquidiocese de Vitória da Conquista. Para essa etapa da formação e acompanhamento dos formandos, contamos com a generosa colaboração do Padre Roberto Oliveira, de Jequié, que exerce o ofício de Reitor. Na noite do domingo (25), Dom Pepeu encontrou-se com Dom Walmor, Arcebispo de Belo Horizonte, na Paróquia São Judas, onde nossos seminaristas colaboram com trabalhos pastorais. Dom Luís aproveitou a oportunidade deste encontro para agradecer mais uma vez a Dom Walmor pela grande colaboração que a Arquidiocese de Belo Horizonte tem prestado à nossa formação, acolhendo nossos seminaristas, cedendo o espaço físico e favorecendo o estudo na PUC-MG. Na segunda-feira, na parte da tarde, Dom Luís fez um encontro com os seus seminaristas. Foi um momento muito rico de partilha da vida e da caminhada de seminário, abordando os diversos aspectos: a vida pessoal, a dimensão relacional na convivência de grupo, a própria vocação, os estudos, o engajamento nos trabalhos pastorais. Depois deste encontro com todos, Dom Luís manteve uma conversa pessoal muito paterna e muito fraterna com cada um. Na noite, ele concluiu oficialmente a visita com a celebração da Eucaristia. Foi um momento muito gratificante. Todos ficaram edificados, fortalecidos e animados. A visita foi um tempo de graça que aqueceu os corações dos jovens seminaristas. Na terça-feira (27), Dom Luís voltou para Vitória da Conquista muito contente, satisfeito e cheio de esperança com os futuros padres da Igreja Particular de Vitória da Conquista.


Dia 24 - ARCEBISPO CELEBRA ÚLTIMA NOITE DO TRÍDUO EM PREPARAÇÃO PARA A FESTA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

Hoje, o Arcebispo Dom Luís Pepeu presidiu solenemente a Santa Eucaristia encerrando o Tríduo em preparação para a Festa de São Francisco de Assis da Comunidade São Francisco, Bairro Alegria, pertencente à Paróquia Nossa Senhora de Fátima, confiada aos Frades Capuchinhos. Este ano, a festa de São Francisco, em sintonia com os grandes temas e os atuais acontecimentos da Igreja Particular e universal, meditou sobre a nossa vocação como discípulos missionários de Jesus Cristo, partindo do tema geral: “Alimentados da Palavra de Deus, sejamos como São Francisco, missionários a serviço da Paz”. Dom Luís, em sua homilia, tomando como ponto de partida as leituras da liturgia dominical (30º. Domingo do Tempo Comum) e inspirando-se no tema proposto, ressaltou a importância de assumirmos como Igreja nossa vocação de missionários a serviço da Paz. Citando o Papa Francisco, reforçou que devemos ser missionários da alegria porque Aquele em quem acreditamos e anunciamos, Jesus Cristo, Ele próprio é a nossa alegria e a nossa paz. Dirigindo-se à juventude, Dom Luís afirmou que os jovens são também chamados a ser missionários, a exemplo de Francisco de Assis que, ao escutar a voz do Crucificado, colocou-se a serviço da Igreja, amando-a e trabalhando para que nela transparecesse sempre mais a Face de Cristo. Muitos eram os devotos e devotas de São Francisco presentes na celebração eucarística. Também participaram desta última noite do tríduo as Irmãs das diversas Comunidades Religiosas de nossa Arquidiocese.

 

Dias 21 e 22 - REUNIÃO DOS BISPOS DA PROVÍNCIA ECLESIÁSTICA DE VITÓRIA DA CONQUISTA

BISPOS E FORMADORES

ESTUDO DO MOTU PROPRIO DO PAPA FRANCISCO


Nos dias 21 e 22, no Seminário Maior em Vitória da Conquista, reuniram-se os bispos da Província Eclesiástica de Vitória da Conquista para o seu último encontro neste ano de 2015. Além da pauta ordinária da reunião, os bispos tiveram um encontro com os formadores das cinco dioceses que compõem a Província: Bom Jesus da Lapa, Caetité, Jequié, Livramento de Nossa Senhora e a Arquidiocese de Vitória da Conquista. Da pauta constou ainda um estudo sobre o novo MOTU PROPRIO do Papa Francisco Mitis Iudex Dominus Iesus (Senhor Jesus, Juiz clemente) sobre a reforma do processo canônico para as causas de declaração de nulidade do matrimônio no código de Direito Canônico. O estudo, orientado pelo Mons. João Carlos Acioly Paz, contou com a participação de padres das cinco dioceses da Província que trabalham nessa área. Todos os bispos estiveram presentes na reunião: Dom Luís Pepeu - arcebispo de Vitória da Conquista, Dom Armando Bucciol - bispo de Livramento de Nossa Senhora, Dom José Ruy - bispo de Jequié, Dom João Cardoso - bispo de Bom Jesus da Lapa, e Pe. Gilvan Rodrigues - administrador de Caetité.


Dias 16 a 18 - ARCEBISPO REALIZA VISITA PASTORAL NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE LOURDES, ENCRUZILHADA



Neste final de semana, o Arcebispo Dom Luís Pepeu realizou visita pastoral à Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, no município de Encruzilhada. Em sua chegada à cidade, na casa paroquial, Dom Luís foi acolhido calorosamente pelo Pároco Pe. José Vasconcelos dos Santos (Pe.Vasco). Acompanharam o Arcebispo nestes dias de visita o Diácono Permanente Luciano, Coordenador Arquidiocesano de Pastoral, e o Seminarista Rafael, representante pelo Seminário Arquidiocesano da OVS (Obras das Vocações Sacerdotais). Estes três dias de Visita Pastoral foram bem intensos. Dom Luís, sempre acompanhado de sua Comitiva Missionária e de Pe. Vasco, visitou as diversas comunidades da Paróquia. Por onde passava, a alegria das pessoas era contagiante. Em cada lugar de encontro, nas Capelas das Comunidades, em alguma casa ou pelos caminhos, Dom Luís era acolhido em clima de festa com cantos, mensagens, cartazes. As grandes dificuldades do povo, a drástica situação da seca, o desemprego, a extrema pobreza, nada apagava o ar de satisfação, o riso e o grande entusiasmo estampados em seus rostos sofridos. O povo queria encontrar-se com o seu Pastor, está ali próximo, vizinho, partilhar suas dores, amarguras e tristezas, mas também falar de suas esperanças e testemunhar a firmeza na fé. Dom Luís, por sua vez, sempre dirigia uma palavra de conforto, recordando a cada um a importância de viver a fé com alegria e esperança, mantendo, sobretudo, a perseverança nesta caminhada de comunidade em espírito de solidariedade. A visita Pastoral proporcionou este momento muito expressivo: o encontro do Pastor com o seu rebanho. Os marcos significativos da Visita foram as várias celebrações da Eucaristia nas Comunidades da Paróquia. No domingo à noite, o Arcebispo concluiu a visita pastoral com a solene celebração da Eucaristia, na qual conferiu o sacramento da Crisma a diversos jovens da Paróquia. Em suas palavras finais, agradeceu e parabenizou todos os presentes, animando-os e encorajando-os na caminhada eclesial como discípulos missionários do Senhor. Dirigindo-se a Pe. Vasco, agradeceu pelo seu frutuoso trabalho de doação e de entrega em prol do povo e pela grande dedicação na administração da Paróquia.

 


MOMENTOS DA VISITA PASTORAL:

COMUNIDADE SANTA LUZIA - BREJINHO


COMUNIDADE CORAÇÃO DE JESUS - LAGOA DO INOCÊNCIO


COMUNIDADE SÃO SEBASTIÃO - PÉ DA SERRA


COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA - ÁGUA PRETA


COMUNIDADE IMACULADA CONCEIÇÃO - BAIXINHA (na cidade)

CÂMARA MUNICIPAL

COMUNIDADE SANTA LUZIA - BREJOS

COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA - JATAÍ

COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA - CONGÁ


COMUNIDADE NOSSA SENHORA DO CARMO - SOBRADO


COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA - MAMOEIRO


COMUNIDADE SÃO MIGUEL - POMBOS


VISITA AOS DOENTES E IDOSOS


ENCONTRO C/ MOVIMENTOS E PASTORAIS


ENCONTRO COM OS CONSELHOS


COMUNIDADE BOM PASTOR- ASSENTAMENTO PRIMAVERA



COMUNIDADE SAGRADA FAMÍLIA - VILA BAHIA


COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA - ENTRONCAMENTO


VISITA AO CEMITÉRIO LOCAL


CRISMA NA MATRIZ


ENCERRAMENTO DA VISITA - SANTA MISSA


Dias 13 e 14 - AVALIAÇÃO ANUAL DO CLERO


Nestes dias 13 e 14, o Arcebispo Dom Luís Pepeu reuniu, nos espaços do claustro do Convento dos Frades Capuchinhos em Vitória da Conquista, seu Presbitério -Sacerdotes e Diáconos Permanentes- para a avaliação anual do Clero. Na abertura dos trabalhos do primeiro dia, o Arcebispo acolheu e saudou os presentes com as boas-vindas. Houve a oração da Liturgia das Horas -as Laudes- e, em seguida, foi colocada a proposta de pauta que deveria orientar estes dias de encontro. O tema central que norteou os trabalhos da avaliação referiu-se a uma abordagem sobre a Identidade do Presbítero no contexto da Pastoral Presbiteral e sua dimensão de missionariedade, partindo da “Vocação e Missão”. O primeiro instante de reflexão foi dedicado a um momento de espiritualidade como motivação para uma avaliação pessoal. Neste aspecto, os participantes foram motivados a identificar os problemas, as alegrias e as esperanças que acompanham os passos do presbítero no dia-a-dia de seu ministério. Após a partilha destas primeiras impressões, passou-se à explanação de diversos temas pertinentes à pastoral presbiteral: a dimensão missionária, setor juvenil, pastoral universitária, pastoral vocacional e, por fim, a pastoral presbiteral em vista da formação permanente do presbítero. Os temas tratados sempre davam margem a diversas discursões e levantamento de questões pertinentes. Dom Luís, em suas palavras finais, salientou que a Pastoral Presbiteral deve acontecer em vista de facilitar e promover a fraternidade presbiteral e, por sua vez, a formação continuada do Presbítero acontece no colocar-se em caminho permanente na escola de Cristo, lembrando, sobretudo, que os padres são chamados a serem pastores do rebanho. O encontro de avaliação do Clero foi enriquecido por diversos momentos bem significativos: a celebração da Liturgia das Horas em seus diversos momentos e a Celebração Eucarística nos dois dias.


Dia 12 - A PARÓQUIA NOSSA SENHORA APARECIDA EM VITÓRIA DA CONQUISTA CELEBRA FESTA DA SUA PADROEIRA


Na tarde desta segunda-feira (12), Dia da Padroeira do Brasil, Dom Luís Pepeu presidiu a solene Celebração Eucarística em louvores a Deus na grande festa de Nossa Senhora Aparecida, cuja Paróquia está confiada à administração e à coordenação pastoral dos Religiosos Vocacionistas. A Santa Missa aconteceu no Ginásio de Esportes Raul Ferraz, que faz parte do território da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, com a presença de um grande número de fiéis devotos da Mãe Aparecida, vindos das diversas paróquias da cidade, que ocupou todos os espaços do ginásio esportivo. Este dia solene foi antecedido por um Decenário de preparação, motivado pelo tema “Com Maria, em Jesus, chegamos à Glória!” Na homilia da festa, o Arcebispo, tomando como ponto de partida as leituras próprias da liturgia deste solene dia, sublinhou o papel de Maria como a grande intercessora, especialmente o Evangelho das bodas de Caná, onde se evidencia com maior clareza este papel mediador da Virgem Santíssima em favor do povo. No final de sua homilia, Dom Luís, inspirando-se em um canto da devoção popular, evoca a Mãe Aparecida para velar pelo povo brasileiro, pelas crianças e famílias, pela paz nas cidades e nos campos, pelos nossos governantes a fim de que sejam justos e servidores do bem comum. Roga-lhe, enfim, que proteja a Igreja e que nos ajude a construir um Brasil mais cristão, mais fraterno e solidário.


Dia 12 - FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA NA COMUNIDADE DO PARQUE IMPERIAL


Na manhã de hoje (12), às 10 horas, o Arcebispo Dom Luís esteve na Comunidade do Parque Imperial, Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe, onde presidiu a solene Celebração Eucarística por ocasião da Festa de Nossa Senhora Aparecida, padroeira da Comunidade. O pároco Pe. Bebeto, que concelebrou com o Arcebispo, realizou uma grande jornada missionária envolvendo toda a Comunidade Paroquial. Com muita simplicidade, Pe. Bebeto incentivou a participação de todos os paroquianos, afirmando que somente três atitudes eram necessárias para a missão: a Disposição da própria pessoa, a Fé e a Bíblia na mão em direção à casa do irmão. Neste espírito de total disponibilidade e serviço, aconteceu o projeto missionário que culminou com a celebração da Festa de Nossa Senhora Aparecida. Dom Luís, em sua homilia, ressaltou este grande entusiasmo da Comunidade discípula-missionária, a exemplo de Maria, a Discípula fiel e a grande Missionária que nos mostra e nos conduz a Jesus, pedindo-nos como aos serventes das bodas de Caná: “Fazei tudo o que Ele vos disser!”. Ressaltou também a importância da devoção a Nossa Senhora Aparecida, como intercessora e protetora do povo brasileiro, uma presença materna e consoladora em nossas dificuldades.


Dia 11 - CRISMA E ENCERRAMENTO DO NOVENÁRIO EM PREPARAÇÃO À FESTA DE NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO EM IGUAÍ


Hoje à noite (domingo, 11), Dom Luís Pepeu esteve na cidade de Iguaí para a Celebração da Eucaristia, encerrando o novenário em preparação à festa de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Excelsa Padroeira da Paróquia e do Município de Iguaí. O novenário, motivado pelo tema central: “Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Mãe das Vocações”, foi  muito bem preparado pelo pároco Pe. André, que contou com a acolhida e a participação de toda a Comunidade paroquial. Com o tema proposto para esta última noite: “Chamados à doação e à partilha” iluminado pelas leituras do dia, especialmente o texto do Evangelho, Dom Luís destacou em sua homilia que o seguimento a Jesus Cristo exige amor incondicional visível nos gestos concretos de partilha, solidariedade, doação, serviço. Sublinhou a missão de Maria como a “Mãe das Vocações”, aquela que soube escutar no silêncio do seu coração o chamado de Deus, assumindo o seu “SIM”, tornando-se para todos nós modelo de resposta ao chamado de Deus. Dom Luís também conferiu o sacramento da Crisma a um grupo jovens da Comunidade paroquial. Lembrou aos jovens crismandos que a Crisma é como um novo Pentecostes que deve nos conduzir a uma tomada de consciência de nossa realidade enquanto chamados por Deus para a missão no mundo.



Dia 10 - CRISMA E PREPARAÇÃO PARA A FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA EM CAATIBA


Na noite deste sábado (10), o Arcebispo Dom Luís Pepeu presidiu a Eucaristia em preparação da festa de Nossa Senhora Aparecida na Paróquia São Paulo Apóstolo em Caatiba. Por ocasião da celebração, Dom Luís conferiu o sacramento da Crisma a um gurpo de 40 jovens da Paróquia. Seguindo a Liturgia da Palavra própria do 28º. Domingo do Tempo Comum, Dom Luís dirigiu sua reflexão, convidando os ouvintes a refletirem sobre as próprias escolhas, frisando que muitas vezes é preciso renunciar certos valores passageiros ou perecíveis pelos valores da vida verdadeira e eterna. Abordando o tema da celebração: “Maria, a Vocacionada do Pai”, o Arcebispo exortou os fiéis presentes, especialmente os jovens crismandos, a uma tomada de consciência sobre a própria vocação como um chamado de Deus em vista da missão. A este chamado de Deus, nas palavras de Dom Pepeu, devemos ter a coragem de responder com o nosso sim, tendo a certeza de que Ele não nos abandona, mas nos capacita. Este “Sim”, a exemplo do Sim de Maria, é fruto de um processo constante de escuta ao chamado de Deus e aos apelos que nascem da realidade na qual estamos inseridos.



Dia 7 - ARCEBISPO VISITA COMUNIDADES RURAIS DE BOM JESUS DA SERRA

COMUNIDADE IMACULADA CONCEIÇÃO - Lagoa D'Anta

ESCOLA O SOSSEGO DA MAMÃE - Bom Jesus da Serra

COMUNIDADE SANTA LUZIA - Arara

COMUNIDADE SÃO CRISTÓVÃO - Jararaca

COMUNIDADE SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS - Carneiros

COMUNIDADE SENHOR DO BONFIM - Baixão


O Arcebispo de Vitória da Conquista Dom Luís Pepeu que, recentemente, havia realizado a “Visita Pastoral” à Paróquia Senhor Bom Jesus em Bom Jesus da Serra, retornou à Paróquia nesta quarta-feira, dia 7, para encontrar-se com os fiéis de algumas comunidades rurais. Antes do meio-dia, o Arcebispo, acompanhado pelo Pároco Pe. Frenilson, pelo seminarista Rafael e alguns leigos, visitou a comunidade Imaculada Conceição em Lagoa D’Anta. Em seguida conheceu a Escola “O Sossego da Mamãe” em Bom Jesus da Serra, sob a responsabilidade da professora Edinha. À tarde, receberam a visita de Dom Luís e sua comitiva missionária, as comunidades de: Santa Luzia (Arara), São Cristóvão (Jararaca), Sagrado Coração de Jesus (Carneiros), e Senhor do Bonfim (Baixão), onde foi concluída a visita com a celebração da Santa Missa.


Dia 6 - REUNIÃO DOS VIGÁRIOS REGIONAIS DA ARQUIDIOCESE

Na manhã desta terça-feira (6), o Arcebispo de Vitória da Conquista se reuniu com os Vigários Regionais da Arquidiocese de vitória da Conquista. Dentre os diversos assuntos da pauta, constou a preparação da “avaliação anual” do Clero a ser realizada entre os dias 13 e 14 do corrente. Além do vigário geral - Mons. Uilton, participaram o Mons. Carvalho - Vicariato São Marcos, Pe. Gerson - Vicariato São Lucas, Pe. Rosenildo - Vicariato São João e Pe. Alexandre - Vicariato São Mateus. Também participou da reunião, a convite de Dom Luís, o representante dos presbíteros, Pe. Ariosvaldo Aragão.


Dia 4 - DOM LUÍS PEPEU REALIZA CRISMA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DAS CANDEIAS, VITÓRIA DA CONQUISTA

Na noite deste domingo (4), o Arcebispo de Vitória da Conquista presidiu a Eucaristia na Igreja Matriz de Nossa Senhora das Candeias, sendo concelebrada pelo Pároco Pe. Alessandro. Na ocasião, Dom Luís conferiu o sacramento da Crisma a um grupo de 60 jovens e adultos das diversas comunidades da zona rural e também da área urbana da Paróquia Nossa Senhora das Candeias. Na homilia, refletindo sobre o tema da liturgia dominical, Dom Luís ressaltou que a família, constituída segundo o projeto de Deus, é expressão da Igreja-Comunidade. O casal cristão, segundo o projeto primordial de Deus, é chamado a testemunhar o amor de Deus pela humanidade. Fazendo referência ao Papa Francisco na Missa de abertura do Sínodo dos Bispos sobre o tema da família, Dom Luís destacou a importância da família cristã na missão de defender a fidelidade do amor sacramental e viver o matrimônio como um espaço em que se manifesta o amor divino, defendendo, assim, a sacralidade da vida. Dirigindo-se aos crismandos, Dom Luís recordou-lhes que pelo dom do Espírito Santo, que receberão com a imposição de suas mãos, eles serão marcados com um sinal espiritual, conformando-se sempre mais com Cristo e tornando-se mais perfeitamente membros da sua Igreja.


Dia 3 - ABERTURA DO NOVENÁRIO EM HONRA A NOSSA SENHORA APARECIDA, COMUNIDADE  BATE-PÉ

Hoje (sábado, 3), à noite, Dom Luís Pepeu, Arcebispo de Vitória da Conquista, presidiu a Eucaristia de abertura do novenário da Padroeira Nossa Senhora Aparecida de Bate-Pé, Comunidade da zona rural da Paróquia Nossa Senhora de Fátima confiada aos Frades Capuchinhos. Dom Luís, em sua homilia, refletindo sobre o tema: “Maria, Mãe na vida, Mãe na morte!”, destacou a importância da Virgem Maria, Mãe da Igreja e nossa Mãe, que nos aponta em seu Filho Jesus, o caminho que nos conduz à Glória definitiva no Reino de Deus. Houve uma grande participação dos fiéis da Comunidade de Bate-Pé e também das Comunidades vizinhas.